2020 chegou e estamos juntos!

Olá para você que também mora fora de seu país de origem e obrigada por estar aqui comigo. Como é bom encontrar pessoas com situação parecida à nossa. A época das festas de final de ano passou e, para aqueles que não voltaram ao seu país, nunca é um momento fácil. Ficamos divididos! Como tudo na vida passa, já estamos em janeiro de 2020 e repletos de planos e perspectivas (assim eu espero que vocês estejam, porque estou animada como o que está por vir).

Vou iniciar este ano com um grande projeto de coaching executivo para uma empresa global que tem a sua sede na Holanda. Será um processo 100% digital e, esta semana, escrevi um post para a Questão de Coaching sobre as vantagens e benefícios do coaching digital.


O meu objetivo profissional é ter uma carreira móvel, onde eu possa estar morando em qualquer lugar do mundo e possa continuar trabalhando. O coaching digital é justamente sobre esta possibilidade, onde coloco o meu trabalho na mala da mudança e o levo comigo. Uma boa rede de internet e um ambiente calmo é o que preciso para executar o trabalho!

Compartilho o artigo e espero que gostem.

Adoraria saber se você também tem um trabalho ou carreira móvel!

Um forte abraço e um ótimo final de semana pela frente

Tici


"Coaching digital no sentido mais amplo significa que um coachee trabalha com um coach através de canais digitais. Isto pode ser feito desde um aparelho celular ou através de video chat num browser. Através deste formato, coach e coachee trabalham em vários temas de coaching digitalmente através de soluções de vídeo. Com a função de vídeo, ambas as partes se comunicam “face to face” (cara a cara), o que significa que informações não-verbais a partir de gestos, expressões faciais e postura também são incorporadas ao coaching. 

Morando na Bélgica realizo 100% dos meus atendimentos online e o maior desafio que enfrento é o fuso horário, dependendo de onde está o meu cliente. Deixando este aspecto de lado, acredito que só existem vantagens e cada vez mais as pessoas estão caminhando para este modelo de atendimento, evitando deslocamentos entre trânsitos caóticos nas grandes cidades e perda de tempo.

O Coaching Digital oferece várias vantagens sobre o coaching presencial, especialmente em um ambiente de trabalho global e em constante mudança. Aqui estão as três principais vantagens do coaching digital:  

1. Flexível em termos de tempo e lugar: Uma vantagem essencial do coaching digital é a independência de local e tempo para o coachee e o coach. Salas de reuniões superlotadas e longas distâncias são coisa do passado – tudo o que você precisa hoje em dia é de uma boa conexão à internet e estar confortável em um ambiente digital. Devido às restrições locais, por vezes é necessário recorrer a coaches locais. Mas não há garantia de que o coach cumpra os respectivos requisitos de qualidade. A independência espacial também aumenta a flexibilidade de tempo, uma vez que o coaching pode ser realizado a partir de qualquer lugar. 

2. Confidencialidade: O anonimato da Internet geralmente proporciona alguma protecção para quem procura assistência e reduz o limiar de resistência. A distância digital facilita a abertura das pessoas que tendem a ser reservadas ou inibidas no seu contato social. Elementos lúdicos (por exemplo, imagens ou emoticons) podem soltar a comunicação e fortalecer a familiaridade entre coach e coachee. Para além da confidencialidade, a questão da segurança dos dados também está se tornando cada vez mais importante no coaching. O coaching digital oferece novas possibilidades para gravar notas, tarefas ou, por exemplo, recomendações de forma segura. 

3. Eficiência de custos: A vantagem do custo-benefício no coaching digital é certa. Devido aos altos custos para viagens e salas de reunião, pode-se fazer economias consideráveis no coaching digital. Também este formato é amigo do clima: independente de chuva, sol e nevasca as reuniões podem ocorrer tranquilamente. 

Eficácia do coaching digital 

O primeiro indicador para a eficácia do coaching digital vem da pesquisa de impacto das psicoterapias digitais. Um estudo da Eichenberg & Ott (2012) mostra que as doenças mentais de hoje já podem ser tratadas com sucesso através dos canais digitais. Isto sugere que tópicos de coaching como a gestão do estresse também podem ser tratados digitalmente. Estudos que trataram explicitamente dos fatores de impacto do coaching mostraram que tanto a localização do coaching quanto a proximidade física entre coach e coachee têm pouca ou nenhuma influência no sucesso do coaching (e.g., Berry et al. 2011, Geissler et al. 2013, Geissler et al. 2014).

Entretanto, a questão da construção de relacionamento ainda surge no contexto do coaching digital. Como já mencionado, neste contexto são colocadas novas demandas sobre as competências do coach, que são particularmente importantes na construção de relacionamentos. O desafio para o coach é construir um bom relacionamento mesmo sem uma presença física e criar uma relação de confiança. De acordo com um estudo do Berry e colegas (2011), a construção de um relacionamento correspondente no coaching digital é tão bem sucedida quanto no coaching presencial. Especialmente porque as pessoas estão cada vez mais familiarizadas com a comunicação através de canais virtuais, seja ela privada com amigos ou familiares, ou profissionalmente com clientes, parceiros ou colegas. Tal como no coaching presencial, a relação entre coach e coachee é essencial para o sucesso do coaching digital.

Competências em coaching digital

Basicamente, o coaching por vídeo não difere significativamente do coaching presencial – o único componente distintivo é a distância local. Seguem algumas dicas que podem ajudar você a começar: Aqui estão seis pontos essenciais nos quais o coaching digital de sucesso se baseia. 

1. Paixão pelo trabalho digital: É de grande importância que você tenha competência multimídia para que não tenha problemas com o manuseamento de diferentes dispositivos. Você deve ter a capacidade de criar uma relação empática e de confiança através de vídeo, som e escrita. Isto requer boa capacidade de leitura, escrita e comunicação, assim como um uso consciente dos meios digitais no coaching. Uma boa preparação para a técnica assim como as características especiais do coaching de vídeo é importante: Experimente, por exemplo, como funciona o posicionamento da câmera, qual seção de imagem é visível ou se todas as condições técnicas estão definidas corretamente. 

2. O seu espaço e a sua linguagem corporal: A boa visibilidade no vídeo coaching é altamente relevante em termos de confiança e apreciação. Se os coachees não forem claramente visíveis para você no vídeo (por exemplo, devido ao mau posicionamento da câmera), você deve abordar isso ou contrariar com o posicionamento adequado na frente da câmera e dos sinais de linguagem corporal. Por exemplo, é aconselhável sentar-se um pouco mais longe da tela do dispositivo utilizado para que as mãos e a parte superior do corpo fiquem visíveis. Além disso, não se sente em frente a uma janela aberta e não fale muito rápido para evitar distorções técnicas, ruídos de fundo, etc. O estudo de Deniers (2019) mostrou que os clientes percebem isso como um sinal de atenção e apreciação irrestrita quando os coaches se afastam mais da câmera para que eles possam perceber mais da linguagem corporal do mesmo. Isso dá ao cliente uma sensação de segurança quando pode ver que o treinador não está envolvido em outras atividades. Ao lidar com questões emocionais, em particular, é de grande importância perceber a linguagem corporal, o tom e o tempo da sua voz e outros aspectos da linguagem geral para ser capaz de responder adequadamente às questões emocionais.

3. Boa preparação: Uma vez que as sessões de coaching têm um tempo médio de 45 minutos, é aconselhável preparar-se antes da sessão para que não haja distrações. Ao escolher um ambiente calmo e neutro, a concentração durante a sessão é fomentada.

4. Comunicação via chat: É importante ser preciso e inequívoco ao comunicar-se por mensagem ou ao formular atividades e tarefas. Muitas vezes é melhor não ser demasiado excessivo (menos é mais) e, se possível, formulá-lo de uma forma que deixe pouco espaço para a interpretação. Ao receber mensagens do coachee, deve-se ter cuidado novamente para não ler muito nas entrelinhas, mas para responder ao que realmente foi escrito.

5. Estabelecimento de uma relação “real”, também digital: Demonstrar apreciação pode ajudar na construção de relações. Como coach, você pode oferecer palavras de estima e encorajamento, por exemplo, enviando uma mensagem após uma sessão ou quando uma atividade tiver sido concluída com sucesso. Elas são um enorme amplificador positivo para o progresso.

6. Seja criativo e tenha uma mente aberta: Com base no seu sólido conhecimento dos fatores que influenciam o coaching, sinta-se livre para redesenhar criativamente a abordagem.

E aí? Você já aderiu a este modelo de trabalho? Quais dicas e vantagens você adicionaria à este post?

3 visualizações

Ticiana Tucci - Desenvolvimento Humano - Human Development

ticiana.tucci@gmail.com

 

+32 477 52 72 46

 

 

 

© 2019 Todos os direitos reservados para Ticiana Tucci / All rights reserved for Ticiana Tucci

whatsapp_icone.png
  • Instagram
  • Facebook